geocaching

Pescaria em São Romão

#34 Relativamente ao assunto da pesca, tenho uma teoria muito pessoal: é mais uma desculpa para um homem passar o dia (ou a noite) fora de casa, com os amigos que também — curiosamente — gostam de pescar. E a minha ideia fundamenta-se em dois pilares: gosto de estar em casa e não acho muita piada à pesca. Confesso: experimentei uma vez. E não correu muito bem. Estive um quarto de horazito com a cana na mão (acho que era uma cana) à espera que o peixe mordesse o isco (acho que era um isco) e… nada.

O conceito de estar sentado à espera, não nasceu para mim. Para isso, já tenho as repartições públicas e serviços quejandos (ena, que saudades tinha deste vocábulo). Fujo a sete pés e, se mais tivesse, mais fugiria. E estou convencido que quem vai à pesca e, no regresso, traz uns peixes para a senhora cozinhar, de facto, não foi para a fastidiosa faina, mas parou algures num supermercado para comprar dois chicharros a que convencionaram chamar de robalos. É o que eu chamo de provas forjadas para esconder o crime de ir beber uma jolas mais os amigos que também — curiosamente — gostam de pescar.

Posto este prelúdio, deixem-me dizer que, ao menos uma vez na vida, gostei de ir à pesca. E digo-vos que o peixe não mordeu à primeira que, na companhia da Miss B e do NVcosta, foi feita há uns meses. Tínhamos conseguido puxar o anzol que nos disse o melhor local para a pesca, mas o lugar já estava ocupado. E nem era gente que se interessasse pelo ofício. Ainda andámos ali, vai não vai, a ver se o peixe saltava. O tanas. O lugar tinha de ser onde já estava um par de gajos na converseta.

Semanas passadas, já nem me lembrava da truta que tinha ficado por pescar, lá passei. Desta feita, com o palanque desocupado, foi só sacar do estojo de pesca e, pimba. Nunca tinha visto uma pescaria assim a valer a pena. Não é fácil ser discreto ali, mas a coisa correu bem e o safio era de boa colheita. Resta dizer que, sem a listing, ainda andei às aranhas a pensar que me sairia uma petingazita.

O ditado acaba por se confirmar: quem peixe procura peix’acha!

Extremamente agradável para darem um passeio e respirar um pouco de ar puro.Quem tem crianças, tragam-nas convosco pois tem um excelente espaço onde podem brincar livremente.

Para os amantes da actividade física, existe um percurso bastante agradável de percorrer.

Standard

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s